30/03/2023 às 22h10min - Atualizada em 30/03/2023 às 22h10min

​Cláudia de Jesus revela preocupação com situação atual e futuro da Caerd

A parlamentar sugeriu que a sociedade seja ouvida sobre a desestatização

Gazeta Rondônia
Assessoria

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90

A deputada estadual Cláudia de Jesus (PT) demonstrou preocupação com a atual situação fiscal, contábil e a possível privatização da Companhia de Águas e Esgotos do Estado de Rondônia (Caerd). O tema foi abordado durante reunião da comissão de Defesa do Consumidor na Assembleia Legislativa (Alero). Diante da situação, a parlamentar sugeriu que movimentos sociais, os deputados e sindicatos sejam ouvidos sobre a possibilidade de venda da Caerd. Após os diálogos iniciais será possível fazer uma audiência pública sobre o assunto com a participação da diretoria da empresa pública.
 
“Precisamos debater melhor esse assunto. Temos uma grande preocupação com a qualidade e os valores que poderão ser cobrados da população pelos serviços privados de água e esgoto”, disse a deputada.

Na reunião da comissão de Defesa do Consumidor, estava o presidente da companhia, Cleverson Brancalhão da Silva, que foi convidado pela deputada para falar sobre os impactos financeiros na empresa e quais investimentos estão previstos para água e esgoto em toda Rondônia nos próximos anos.
 
“Estima-se que nos próximos dez anos possamos chegar a 99% do saneamento em Rondônia e precisamos de R$ 8,7 bilhões para alcançar a universalização”, declarou Brancalhão.

 
“A minha preocupação é que se entregue para uma empresa privada uma estrutura paga pelo povo, pois temos que pensar na classe trabalhadora. O debate tem que ser ampliado e estendido aos demais deputados, pois se a gente não se unir neste momento vai se criar um problema assim como ocorreu com a Energisa”, comentou a parlamentar.

Assessoria.

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90


Notícias Relacionadas »
Comentários »