30/03/2024 às 14h35min - Atualizada em 30/03/2024 às 14h35min

VÍDEO: Médico é assassinado com tiro na cabeça após marcar encontro em aplicativo de relacionamento

Gazeta Rondônia

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90

Um médico de 35 anos foi encontrado morto dentro do próprio carro, na Brasilândia, zona norte de São Paulo, por volta das 22h de sexta-feira (29). Ele foi baleado na cabeça, em um caso que a polícia investiga como latrocínio (roubo seguido de morte).

Uma das linhas de investigação é de que o psiquiatra possa ter caído em um golpe de aplicativos de relacionamento, atraído por bandidos para um encontro falso. 


Um médico de 35 anos foi encontrado morto dentro do próprio carro, na Brasilândia, zona norte de São Paulo, por volta das 22h de sexta-feira (29). Ele foi baleado na cabeça, em um caso que a polícia investiga como latrocínio (roubo seguido de morte).

Uma das linhas de investigação é de que o psiquiatra possa ter caído em um golpe de aplicativos de relacionamento, atraído por bandidos para um encontro falso. 

Clique aqui para seguir o canal do Portal Gazeta Rondônia no WhatsApp

O homem foi identificado como o médico Heleno Veggi Dumbá. 

Ainda no endereço, os policiais conversaram com moradores da região que afirmaram que o motorista estacionou seu veículo no local e, em seguida, foi abordado por três pessoas. 

Após anunciarem o assalto, segundo testemunhas, foram ouvidos dois disparos, e o trio fugiu a pé por uma praça.

No carro, aparentemente, nada havia sido levado. Os policiais encontraram o celular da vítima, um iPhone, documentos profissionais e remédios. 

A Polícia também afirmou que não há câmeras de monitoramento na região que possam ter flagrado a abordagem.

O caso foi registrado no 72° Distrito Policial da Vila Penteado.




Fonte: R7.

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90


Notícias Relacionadas »
Comentários »