16/06/2021 às 20h56min - Atualizada em 16/06/2021 às 20h56min

Em Rondônia, área plantada de grãos na safra 2020/21 cresce 10,1% em relação à safra anterior

Gazeta Rondônia
Secom
Rondônia é um estado forte na produção agrícola e tem se destacado principalmente no cultivo da soja, do milho, do algodão, do arroz, do feijão e do café. Conforme aponta os dados do oitavo levantamento da safra brasileira de grãos da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a área plantada de grãos na safra 2020/21 em Rondônia alcançou 663,4 mil hectares, com um aumento de 10,1% comparado a safra anterior, com estimativa de colher 2,5 milhões de toneladas, 4,6% superior à da safra 2019/20, tendo em vista que a colheita de alguns grãos está sendo finalizada. A produtividade deve decrescer 5%, com média de 3.792 kg por hectare, 4,2% inferior à produtividade média do país. A produção do estado responde por 0,9% da produção nacional.

Para o arroz, a estimativa é que sejam colhidas 139,5 mil toneladas do cereal nesta safra, aumento de 0,1% à safra anterior. A área cultivada, de 42,5 mil hectares, manteve-se estável em relação à safra 2019/2020 enquanto a produtividade oscilou positivamente em 0,1%. “Em Rondônia o cultivo é exclusivamente de sequeiro, com plantio previsto para dois períodos, safra e safrinha”, explicou o economista da Seagri, Alex Rilie.

O plantio de algodão na safra 2020/2021, cultura nova no estado, atingiu 7,9 mil hectares, 19,4% menor do que na safra 2019/20. A produção de pluma está estimada em 11,7 mil toneladas, enquanto a de algodão em caroço deverá ser de 30,8 mil toneladas, com produtividade média de 1.482 kg/ha e 3.900 kg/há.

A área plantada com feijão no estado na safra 2020/2021 não deverá apresentar alteração em relação à safra 2019/2020, mantendo os mesmos 3,9 mil hectares, com estabilidade tanto da produção quanto da produtividade. “Ainda que tenha apresentado o mesmo desempenho nesta safra em relação à anterior, o cultivo do feijão vem diminuindo ao longo dos anos e a tendência é que se torne basicamente uma cultura de subsistência para os produtores que ainda a cultivam, com comercialização do excedente nos mercados locais”, disse Alex Rilie.

A produção do milho na segunda safra apresentou evolução de 6%, enquanto a produtividade deverá ser a mesma da safra anterior, de 2.958 kg por hectare. A área plantada alcançou 12,6 mil hectares, 5,9% superior à da safra anterior. Conforme informou o economista, a alta de preços do produto ocorrida no final de 2020 influenciou o aumento do cultivo nesta safra, ainda que em pequena escala.

A área plantada com milho no estado na segunda safra teve um aumento de 7,5% do que a da safra 2019/20, podendo alcançar uma produção de 200 mil hectares. A produção deverá apresentar crescimento menor, de 1,3%, em virtude da queda da produtividade, de 5,8%. “Essa queda da produtividade deve-se, provavelmente, ao plantio de parte da lavoura fora do período recomendado, em virtude do atraso na colheita da soja”, explicou.

O café, cultura de destaque nacional em sustentabilidade, qualidade e produtividade possui uma área de 63,6 mil hectares para produção e 5,6 mil hectares para formação, totalizando 69,2 mil hectares, com previsão de colheita para esta safra de 2,2 milhões de sacas de 60 kg.
 
A área com soja, principal grão produzido em Rondônia, aumentou 13,8% passando de 348,4 mil para 396,5 mil hectares, em comparação com a safra 2019/20. O aumento da área plantada com soja no estado se deve principalmente à elevação dos preços desde a safra passada.

De acordo com o secretário da Seagri, Evandro Padovani, os grãos vêm crescendo em áreas degradadas de pastagem. “Rondônia hoje está dobrando a sua produção em áreas de recuperação, áreas degradadas, sem novos desmatamentos, para o avanço da soja, milho, do arroz, café, entre outros grãos”, relatou.

O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) de Rondônia calculado para abril de 2021 foi de R$ 19,08 bilhões de reais, resultado 58,24% maior do que o obtido em 2020. Deste valor, a lavoura representa R$ 6,6 bilhões de reais.
A área plantada de grãos na safra 2020/2021 em Rondônia alcançou 663,4 mil hectares, aumento de 10,1% à da safra anterior.
 

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você desenvolveu algum transtorno relacionado à saúde mental durante a pandemia?

40.0%
4.0%
5.3%
12.0%
38.7%
Fale Conosco!
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp