26/06/2021 às 18h14min - Atualizada em 26/06/2021 às 18h14min

Morador de Cerejeiras precisa realizar cirurgia e família pede ajuda para custear despesas

Casal Cerejeirense que reside nos Estados Unidos também fará doação

Gazeta Rondônia
Sidney da Silva Ferreira, durante uma de suas internações no hospital municipal São Lucas de Cerejeiras, em tratamento do estômago (Crédito de imagem: Reprodução)

O morador do município de Cerejeiras (RO) Sidney da Silva Ferreira, 38 anos, precisa realizar cirurgia de emergência de Hérnia de Hiato e familiares e amigos estão organizando Ação Solidária para ajudar a custear as despesas hospitalares na ordem de R$ 16 mil reais.

Sidney tem deficiência, nasceu com Microcefalia e mora com os pais; Alair Zeferino Ferreira e Marlene da Silva Ferreira, no travessão da linha 4, área rural do município de Cerejeiras e após exames de endoscopia foi diagnosticado com Hérnia de Hiato e a cirurgia será realizada, nos próximos dias, com especialista na cidade de Cuiabá, no Mato Grosso.


 

A família de Sidney da Silva Ferreira pede para quem puder colaborar com qualquer valor que deverá ser transferido via PIX 203.288.002-44 tendo como favorecido: Alair Zeferino Ferreira, maiores informações (69) 99233-1929 falar com Marlene.
 
MORADORES DOS ESTADOS UNIDOS FARÃO DOAÇÃO
 
O casal Cerejeirense Jouberth Henrique Munhoz e Napoliana Raiallas Teixeira, que atualmente residem no Estado de Connecticut, próximo a Nova York, nos Estados Unidos, ouviram na quinta-feira (24) o apelo no programa Tribuna Livre, apresentado pelo jornalista Elizeu Evangelista, na Rádio Comunitária Ondas Verdes Fm 104.9, ficaram sensibilizados e farão uma doação para ajudar na realização da cirurgia.

“Sempre que podemos, Jouberth e eu, acompanhamos o programa Tribuna Livre por meio da live no Facebook, pois gostamos de acompanhar as notícias de Cerejeiras, nossos pais e familiares residem aí, amamos nossa cidade de origem, estamos residindo nos Estados Unidos a muito tempo, mas nossos corações ainda estão em Cerejeiras, ouvimos o caso do Sidney e vamos colaborar com uma quantia que irá ajudar e aqueles que puderem colaborar com esses pais desse rapaz, ajudem, pois não sabemos o dia de amanhã.” Disse Napoliana.

O QUE É HÉRNIA DE HIATO

A hérnia de hiato é uma dilatação de uma parte do estômago pelo diafragma. A causa deste distúrbio normalmente não é conhecida, mas a idade, obesidade e tabagismo são fatores comuns. Algumas pessoas não têm sintomas, ou apresentam sintomas leves, como refluxo e indigestão, enquanto outras sofrem sintomas mais sérios, como dor no peito, inchaço, eructação e dificuldade em engolir.

O diagnóstico toma por base os resultados de uma radiografia com deglutição de bário ou, às vezes, de uma endoscopia digestiva alta. O tratamento busca aliviar os sintomas, às vezes por meio de medicamentos e raramente por cirurgia. O esôfago é um tubo oco que conecta a garganta (faringe) ao estômago.

A dilatação (herniação) de qualquer estrutura no abdômen pelo diafragma (a capa de músculo que separa a cavidade torácica do abdômen) é denominada hérnia diafragmática. O diafragma possui uma abertura pela qual normalmente passa o esôfago chamada hiato. Uma hérnia diafragmática que ocorra por esta abertura é denominada hérnia de hiato.

A causa da hérnia de hiato normalmente é desconhecida, mas pode ser causada pelo alongamento das faixas de tecido que estão conectadas entre o esôfago e o diafragma no hiato. O quadro clínico é mais comum entre pessoas com mais de 50 anos de idade, com sobrepeso (particularmente mulheres) ou pessoas que fumam. Outros tipos de hérnia diafragmática podem resultar de defeitos congênitos (Hérnia diafragmática) ou de uma lesão.


 
SEJA O REPÓRTER ENVIANDO PAUTAS E SUGESTÕES

Colabore enviando pautas e sugestões ao portal eletrônico Gazeta Rondônia por meio do canal aberto de WhatsApp envie notícias, fotos, áudios, vídeos, sugestões, correções ou flagrantes e não se esqueça de solicitar anonimato ou não.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos deverão ser feitos com o celular na posição horizontal. Textos e denúncias anônimas também podem ser enviadas a redação do Gazeta Rondônia pelo e-mail: gazetarondonia01@gmail.com

Acompanhe nossa página no Facebook e fique bem informado (a) com as principais notícias de Rondônia, Brasil e Mundo.

Quer receber no seu celular links de notícias exclusivas de Rondônia, Brasil e Mundo participe do Grupo de Whatsapp do portal Gazeta Rondônia, sem debates ou comentários.
 
 


Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você desenvolveu algum transtorno relacionado à saúde mental durante a pandemia?

34.7%
5.2%
8.3%
8.3%
43.5%
Fale Conosco!
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp