16/07/2021 às 21h53min - Atualizada em 16/07/2021 às 21h53min

EDUCAÇÃO: Ensinando a distância e fazendo a diferença em Porto Velho

Gazeta Rondônia
Izabel Cristina
Gestoras municipais e professoras da rede municipal da EMEI Professora Ronilza Cordeiro Afonso Dias, situada na zona sul do município de Porto Velho, realizaram o encerramento do semestre com um arraial em grande estilo e ainda promovendo a   educação patrimonial nas aulas remotas envolvendo pais e comunidade escolar em tempos de Pandemia.


Incentivar as crianças e envolvê-las nas atividades lúdicas através de histórias impulsionando o desenvolvimento, criatividade e o senso crítico é primordial para o sucesso desde as séries iniciais. E   promover projetos de literatura com autores envolvendo o pertencimento da nossa identidade, resgatando valores culturais marcará o senso crítico de cada um. Os trabalhos contaram com a participaçãos das professoras Cláudia Ferreira, Shirley Correa, Zenaide Macêdo e Vanessa Bandeira.
 
“O envolvimento da comunidade escolar com o apoio dos pais é primordial, mesmo sabendo da necessidade de acompanhamento na primeira infância, incentivamos nossas crianças para o pertencimento através das obras e histórias regionais, fortalecendo a nossa identidade cultural.” Mencionou a gestora escolar, Idelúcia Marinho.
A gestora fez questão de conhecer o muro pintado pelo artista pop da floresta, Aldo Reis, que atualmente tem sua arte destacada nas escolas da capital, em especial a arte lúdica dos botos em homenagem a cultura Portovelhense.

 

“Quero agradecer em nome de toda comunidade escolar  a escritora  Izabel Cristina da Silva, que atualmente é a  Presidente do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher - CMDDM, representando a SEMED e  também é escritora contribuindo com  outras mulheres nesta temática e nossa  convidada para conhecer o projeto e acompanhar de perto a alegria dos  pais que   conheceram  a autora  da  brilhante ideia  em escrever especialmente para as nossas crianças sobre o patrimônio natural e que está na lei orgânica do município de Porto Velho.” Finalizou Idelúcia Marinho.

Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale Conosco!
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp