26/07/2021 às 20h40min - Atualizada em 26/07/2021 às 20h40min

VÍDEO: Sem terras com armas de grosso calibre invadem fazenda, matam caseiro e ferem dois à bala

Força Nacional foi acionada

Gazeta Rondônia
Segundo o Delegado de Polícia Dr. Thiago Flores (Diretor de Polícia de Interior) cerca de 18 homens fortemente armados invadiram a fazenda Jatobá em Machadinho do Oeste (RO), matando o caseiro e ferindo a tiros mais duas pessoas que ali trabalham.

A Polícia está em estado de alerta máximo, pois o armamento utilizado pelo grupo mostra que a milícia pode promover outras ações delituosas. A Fazenda Jatobá já havia sido invadida rem outras ocasiões, devido a uma Ordem Judicial, os invasores foram retirados do local, mas retornaram ao local cometendo um crime de Homicídio e duas Tentativas. O Delegado afirmou ainda que a Força Nacional já foi acionada.

Na madrugada deste sábado, 24, um ataque a sede da fazenda Jatobá, provocado por um grupo de sem terras fortemente armados acabou com a morte do jovem Leandro Gregorio de Oliveira, 28 anos. A fazenda Jatobá localizada na linha T 15, núcleo Oriente Novo, zona rural de Machadinho D’Oeste/RO, há dois tem sido alvo de um grupo de sem terras que usa extrema violência para tomar a referida propriedade rural.

Por volta das 02h00min., deste sábado, um ataque violento contra os trabalhadores que ocupam a fazenda desde a última reintegração de posse, ocorrida no dia 10/06/2021, terminou tragicamente com uma morte e dois feridos, todos empregados da fazenda.

De acordo com informações, os trabalhadores foram surpreendidos enquanto dormiam, os seguranças da fazenda revidaram ao ataque, mas não se tem notícias se os criminosos foram atingidos. Pela manhã, a Polícia Militar montou uma operação e compareceu a sede da fazenda, junto com a Polícia Civil e os peritos criminais, onde durante os trabalhos técnicos foram encontradas e recolhidas várias cápsulas das armas de fogo disparadas pelos criminosos, calibres; .30, 12, 9mm e 38. Após finalizada a perícia, o corpo da vítima foi removido pela funerária de plantão.

Os criminosos até o momento não foram identificados. A Polícia Civil investigará o crime. Fonte: Ariquemes190

Confira o vídeo sobre o caso:

Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale Conosco!
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp