21/01/2021 às 09h48min - Atualizada em 21/01/2021 às 09h48min

CEREJEIRAS: Chuva acende alerta para a chegada da DENGUE, números de contaminados são altos e donos de terrenos sujos serão multados

Gazeta Rondônia
Gazeta Rondônia
A chegada das chuvas acendem um sinal de alerta: o perigo da transmissão de dengue. Somente em 2020, foram registrados a notificação de 263 casos, com a confirmação de 158, de acordo com boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde de Cerejeiras (RO).

A dengue é uma doença febril grave causada por um arbovírus: são vírus transmitidos por picadas de insetos, especialmente, os mosquitos. Existem quatro tipos de vírus da dengue (sorotipos 1, 2, 3 e 4). Cada pessoa pode ter os quatro sorotipos da doença, mas a infecção por um sorotipo gera imunidade permanente para ele. O transmissor é o mosquito Aedes aegypti. Doença viral transmitida por mosquitos que ocorre em áreas tropicais e subtropicais. Pessoas infectadas com o vírus pela segunda vez têm um risco significativamente maior de desenvolver doença grave.

Os sintomas são febre alta, erupções cutâneas e dores musculares e articulares. Em casos graves, há hemorragia intensa e choque hemorrágico (quando uma pessoa perde mais de 20% do sangue ou fluido corporal), o que pode ser fatal. O tratamento inclui ingestão de líquidos e analgésicos. Os casos graves exigem cuidados hospitalares.

DIVERSOS CASOS DE DENGUE EM CEREJEIRAS

Uma moradora do bairro floresta que preferiu não ser identificada, relatou que recentemente seu neto de apenas 4 meses de idade foi diagnosticado com Dengue. Eu também estou com todos os sintomas do vírus da Dengue, mas prefiro me tratar em casa, se eu for ao hospital corro risco de contaminação com a Covid ou vão dizer que estou com o Coronavírus, então nem vou, todo mundo focado na Covid e a Dengue fazendo diversas vítimas.” Disse.

CASOS DE DENGUE QUE NÃO SÃO NOTIFICADOS

Uma pesquisa realizada pela Fiocruz da Bahia indicou que um  em cada quatro pacientes atendidos por uma doença febril na unidade de emergência onde o estudo foi realizado tinha evidência laboratorial de infecção pelo vírus da dengue. No entanto, para cada 20 pacientes que o estudo permitiu identificar com sendo dengue, apenas um havia sido notificado ao Sinan. Esses e outros dados levaram os autores do estudo a concluírem que a vigilância tem subestimado, substancialmente, a carga da doença no Brasil.
 
PREFEITURA EMITE COMUNICADO DE LIMPEZA, FISCALIZAÇÃO E POSSÍVEL MULTA

A Prefeitura Municipal de Cerejeiras comunica aos proprietários de terrenos, construções abandonadas e imóveis edificados que se encontram sujos (cobertos de matos, entulhos, galhos e gramas sem manutenção), para que realizem a devida limpeza, pois a Prefeitura realizará uma força tarefa de fiscalização.

A multa prevista para esse tipo de infração é de até R$ 1.388,10 (um mil trezentos e oitenta e oito reais e onze centavos). Sendo que a multa não exime o infrator de realizar a limpeza. Conforme Lei 2949/2020:

“Art.57. Não é permitido a existência de terrenos cobertos de mato ou servindo de depósito de lixo, entulho ou qualquer material que possa acumular água ou servir de abrigo a insetos ou outros animais.

§1º Os proprietários, locatários, responsáveis ou possuidores a qualquer gênero, de imóveis residenciais ou não, deverão adotar medidas mínimas de manutenção, tais como: manter seus imóveis limpos, sem mato, acúmulo de lixo, e no caso de serem pantanosos e/ou alagadiços, drenados e aterrados;

§2º A limpeza de que se trata o parágrafo anterior deve ser executada de forma completa incluindo a destinação final dos resíduos provenientes desta, sendo vedado a queima de lixo, mesmo que esse seja orgânico como resto de jardinagem e folhas.”

Fernando Rezende da Silva - Diretor de Planejamento: http://bit.ly/3o7Xabc

Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale Conosco!
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp