23/03/2022 às 12h44min - Atualizada em 23/03/2022 às 12h44min

Deputado Chiquinho da Emater cobra recuperação de trechos destruídos na BR-364

Parlamentar afirma que municípios são prejudicados porque o DNIT não cumpre seu papel

Gazeta Rondônia
Assessoria

Durante o pequeno expediente da sessão ordinária desta terça-feira (22), o deputado Chiquinho da Emater (PSB) disse que ficou na fila em Itapuã do Oeste por duas horas para conseguir chegar em Porto Velho, porque a cidade está sendo destruída. Ele afirmou que a BR-364 está totalmente acabada, e de Itapuã até Ariquemes é um buraco só.

Segundo o parlamentar, o DNIT nada está fazendo, por isso a rodovia está se acabando, e em direção ao Acre também está deteriorada.

 

“O Governo Federal precisa fazer o DNIT trabalhar. As carretas estão entrando na cidade e como o lençol freático é baixo, estão acabando com o asfalto. É um crime contra Itapuã”, detalhou o deputado Chiquinho da Emater.


O parlamentar afirmou que a BR-364 está uma tristeza, em Itapuã, até Ariquemes, e no trevo da Triunfo. Ele pediu ao Dnit que tome as devidas providências, porque as cidades são pobres e não conseguem se recuperar depois.

Chiquinho da Emater citou que em são Miguel a água que está destruindo o comércio, por causa de trabalho do Dnit.

 

“A água invadiu o posto Zé Branco, e quem causou isso foi o DNIT. Já estive no departamento várias vezes, inclusive com o prefeito de Itapuã. Segundo eles, neste ano será licitada uma nova estrada e o asfalto ruim será desmanchado. Mas tem empresa contratada pelo DNIT que não faz”, complementou.

 
Leite

O deputado Chiquinho da Emater também disse que o Governo Federal baixou a pauta para trazer produtos lácteos para o Brasil em 29%.

 

“Isso significa que os laticínios vão acabar de falir. O laticínio de Cerejeiras faliu. O Tradição faliu em Ji-Paraná. Trazer mais leite de fora significa fechamento de mais laticínios e desemprego nas pequenas cidades e no campo, porque o preço vai baixar mais ainda”, assegurou.


O parlamentar pediu aos deputados federais e senadores providências junto aos ministérios da Agricultura e da Fazenda.
 
Assessoria.


Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale Conosco!
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp