29/10/2022 às 17h12min - Atualizada em 29/10/2022 às 17h12min

Empresa de Ji-Paraná investe mais de R$ 10 mil em cafés de qualidade durante leilão da Abic

Gazeta Rondônia

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90

O leilão de cafés promovido pela Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic), que aconteceu durante a 19ª edição do Concurso Nacional - Origens do Brasil, resultou em recordes para a cafeicultura de Rondônia.

De acordo com a Abic, a empresa Café Quentinho, de Ji-Paraná (RO), foi destaque entre as empresas que mais investiram na aquisição de cafés de alta qualidade. Ao todo, foram investidos R$ 10 mil na aquisição de seis sacas de cafés de três origens, sendo uma delas o Matas de Rondônia.

Além disso, a empresa também foi campeã na categoria 'Ouro Canéfora', ao comprar duas sacas do produtor Dione Mendes de Brito, do Sítio Rio Limão, em Cacoal (RO), por R$ 1.210. De acordo com a Abic, "esse reconhecimento é dado à empresa que paga o maior valor de aquisição por saca de café canéfora".

A cerimônia de premiação das empresas vencedoras e dos produtores campeões vai acontecer durante o 28º ENCAFÉ, que deve acontecer de 23 a 27 de novembro, no Rio de Janeiro.

 

Qualidade

Cafeicultora de Rondônia vence competição nacional de qualidade do café — Foto: Angela Maria/Arquivo Pessoal

Cafeicultora de Rondônia vence competição nacional de qualidade do café — Foto: Angela Maria/Arquivo Pessoal

A cafeicultora rondoniense Ângela Maria, participando pela primeira vez de uma competição nacional, foi a vice-campeã do 19º Concurso de Qualidade do Café, na categoria canéfora, organizado pela Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic).

A pontuação da produtora foi de 8,25, garantindo a ela uma estreia de peso e importância no cenário nacional. Ângela Maria foi a única participante de Rondônia a ficar entre os cinco colocados em todas as categorias. Fonte: G1

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90


Notícias Relacionadas »
Comentários »