Gazeta Rondônia Publicidade 728x90
05/02/2023 às 11h41min - Atualizada em 05/02/2023 às 11h41min

Advogado é baleado em escritório no mesmo instante que pai era executado na Bolívia

Gazeta Rondônia

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90

O advogado criminalista Felipe Carlos Almeida, de 31 anos, sofreu uma tentativa de homicídio, nessa quinta-feira (2), no escritório dele, no Centro de Pontes e Lacerda (MT), a 483 km de Cuiabá. No mesmo instante do crime, segundo a polícia, o pai dele foi morto na Bolívia.

Conforme as investigações, Almeida estava no imóvel onde trabalhava, quando um homem entrou no local usando um capacete e efetuou os disparos. Logo em seguida, fugiu em uma motocicleta.

O advogado deu entrada no Hospital Vale do Guaporé. Depois, ele foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital de Cuiabá, segundo a polícia.

"Como também houve o homicídio do pai dele na Bolívia, nós estamos trabalhando com a hipótese de que foram assassinatos coordenados. O pai foi morto quase no mesmo horário", informou o delegado Guilherme Rocha.

Ainda conforme o responsável pelo caso, não há câmeras de segurança no escritório da vítima e que a polícia já definiu linhas de investigação sobre a motivação dos crimes.

"Ainda não tivemos a confirmação da polícia boliviana, mas, preliminarmente, haveria um mandado de prisão na Bolívia também contra ele, mas aqui no Brasil, foi por tráfico de drogas", disse sobre o pai do advogado.

A Ordem dos Advogados do Brasil em Mato Grosso (OAB-MT) emitiu uma nota, nessa quinta-feira (2), informando que acompanha a investigação e cobra uma resolução do caso. Fonte: G1

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90


Notícias Relacionadas »
Comentários »