Gazeta Rondônia Publicidade 728x90
06/02/2023 às 10h25min - Atualizada em 06/02/2023 às 10h25min

VÍDEO: Mortos em terremoto ultrapassa 1.800 e mais de 5 mil estão feridos

Gazeta Rondônia

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90

O número de mortes em decorrência do terremoto de 7,8 graus na escala Richter, que atingiu o sul da Turquia e o norte da Síria na madrugada desta segunda-feira (6), chega a 1.800, segundo dados oficiais divulgados pelos dois países atingidos pelo abalo sísmico.

O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, informou que 912 pessoas morreram e 5.385 ficaram feridas. O último balanço oficial do governo sírio registrou pelo menos 783 mortos e mais de 1.500 feridos.

O epicentro do abalo sísmico ocorreu a 26 km a leste da cidade turca de Nurdağı, que tem pouco mais de 40 mil habitantes e fica a cerca de 650 km da capital, Ancara, de acordo com o USGS (Serviço Geológico dos Estados Unidos) — veja o infográfico abaixo.

O tremor surgiu a 17,9 km de profundidade, na província de Gaziantep, sudeste do país, próximo à fronteira com a Síria. O sismo ocorreu às 4h17 no horário local da Turquia (22h17 no Brasil), de acordo com o USGS.

O terremoto também deixou centenas de desaparecidos, que estão presos nos escombros dos prédios e das construções que foram destruídas. A expectativa é de que o número de mortos suba ao longo do dia — assista abaixo a vídeo que mostra desabamento de prédio.

Mais de mil prédios desabaram completamente, o que sugere um número de vítimas muito maior, informou o vice-presidente turco, Fuat Oktay.

Os abalos foram sentidos também na capital turca, Ancara, e em outras cidades. Os aparelhos registraram um sismo inicial e, logo em seguida, mais dois terremotos aconteceram na mesma região.

Confira o vídeo.

 
 
Fonte: R7.

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90


Notícias Relacionadas »
Comentários »