Gazeta Rondônia Publicidade 728x90
08/02/2023 às 10h23min - Atualizada em 08/02/2023 às 10h23min

VÍDEO: Homem é liberado pela polícia mesmo após confessar ter estuprado enteada de 9 anos

Gazeta Rondônia

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90

Um homem foi solto, na noite de terça-feira (7), mesmo após ter confessado ter estuprado a enteada de 9 anos em Francisco Morato, na região metropolitana de São Paulo.

O acusado havia sido encaminhado para a delegacia após a criança relatar para a avó de consideração, que é mãe do abusador, que ele estava realizando atos sexuais com ela. O último abuso, que houve a penetração, ocorreu no domingo (5).

Com o relato da neta, a mulher informou à mãe da menina e, juntas, foram até a Santa Casa De Misericórdia de Francisco Morato para realizar o atendimento médico.

Na unidade, a criança foi submetida a exames, entre eles o de urina, que indicou um possível crime sexual. Também foram constatadas lesões nas partes íntimas dela.

De acordo com uma técnica de enfermagem que atendeu a menina, a avó e a mãe suspeitavam dos abusos e, por isso, solicitaram os exames. Ainda segundo a profissional, a garota chegou a relatar que os episódios ocorriam há cerca de dois anos.

Equipes da Polícia Militar Metropolitano foram acionadas para o hospital e, no local, conversaram com as responsáveis pela vítima.

A mãe do abusador afirmou aos agentes que o filho estava em sua casa e passou o endereço. Eles se deslocaram até a residência, onde o localizaram e realizaram a prisão.

Segundo o homem, de 27 anos, ele possui um relacionamento de cerca de três anos com a mãe da menina. Ele confessou aos agentes que cometeu o estupro.

Em seguida, filha, mãe, avó e enfermeira foram até a delegacia, onde denunciaram o caso e registraram um boletim de ocorrência.

O suspeito chegou a ser encaminhado para o local, mas foi liberado após o delegado de plantão afirmar que não iria prendê-lo por não configurar flagrante.

O repórter Thiago Gardinali, da Record TV, chegou a conversar com o homem após ele ser solto. Ele afirmou que está arrependido.

Posteriormente, a criança será levada para o Hospital Pérola Byington, em São Paulo, para a realização de exames que irão confirmar o caso.

A ocorrência foi registrada na Delegacia de Polícia do Município de Francisco Morato.

Confira o vídeo no Twitter.


Fonte: R7.

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90


Notícias Relacionadas »
Comentários »