Gazeta Rondônia Publicidade 728x90
10/02/2023 às 17h35min - Atualizada em 10/02/2023 às 17h35min

Confúcio Moura entrega equipamentos do projeto de Informatização Escolar em Ji-Paraná

Ao todo, 23 municípios estão sendo contemplados

Gazeta Rondônia
Assessoria

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90

O Informatização Escolar executado em parceria com o Instituto Federal de Rondônia – IFRO segue trabalhando intensamente. Na sexta-feira, 3, foram entregues equipamentos para o município de Ji-Paraná avaliados em R$ 500 mil. O Investimento no Projeto em tecnologia educacional para o município é de R$ 1,5 milhão. O evento foi realizado no gabinete do prefeito Esaú Fonseca.

De acordo com o prefeito Esaú Fonseca, o Projeto do Senador Confúcio Moura visa melhorar a qualidade da educação no Estado, proporcionado ensino igualitário a todos.  
 
“Não é mais possível ensinar sem a ajuda da tecnologia. O senador Confúcio Moura é um visionário”. Destacou o prefeito.
 
A Coordenadora do Gabinete em Rondônia, Vilma Alves, na ocasião representou o Parlamentar, enfatizou o papel da educação como o instrumento mais eficaz para transformar a realidade das pessoas.

 
“É a educação a política que produz mudanças na vida das pessoas. Por isso, o senador Confúcio elegeu a educação como prioridade do seu mandato. Foi desta convicção que nasceu o Projeto de Informatização Escolar. Educação sem tecnologia não é mais possível, não tem sentido, não tem conexão com a realidade dos alunos”, afirmou Vilma.

Na ocasião, os secretários de educação dos municípios de Seringueiras e de São Miguel do Guaporé retiraram os seus equipamentos no almoxarifado do IFRO.

Informatização Escolar

O projeto de Informatização Escolar é uma ação do senador Confúcio Moura que insere tecnologia nos processos administrativos e pedagógicos das escolas municipais do estado de Rondônia. Está em desenvolvimento em 23 municípios.

Segundo o senador a tecnologia já faz parte da vida das crianças e dos jovens há algum tempo. As escolas têm que acompanhar essa evolução.

 
"A tecnologia não pode ficar de fora das escolas, porque elas fazem parte da vida das crianças e dos jovens. Esta é a verdade absoluta. Escolas sem tecnologia não atraem nem alunos nem os profissionais da educação”, declara o senador Confúcio Moura.

Assessoria.

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90


Notícias Relacionadas »
Comentários »