Gazeta Rondônia Publicidade 728x90
25/02/2023 às 21h06min - Atualizada em 25/02/2023 às 21h06min

Bombeiros resgatam 47 pessoas e 8 animais ilhados após temporal

Gazeta Rondônia

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90

O Corpo de Bombeiros resgatou 47 pessoas e oito animais que ficaram completamente ilhados após forte temporal, em Bonito (MS), durante a noite dessa sexta-feira (25). Ao todo, 11 pedidos de socorro foram atendidos pelos oficiais. 

Um cabo teve que ser instalado para ajudar a passagem de vários turistas que ficaram ilhados durante um passeio local.

No registro, uma fila ao fundo mostra as pessoas em terra firme e, posteriormente, atravessando o lugar completamente alagado.

 

Trabalho

 

De acordo com o sargento Marin, que trabalhou na operação, nove bombeiros foram empenhados por cerca de 24 horas para atender todas as ocorrências ocasionadas pela forte chuva na cidade turística.

Entre os resgatados, não há feridos e vítimas. A chuva afetou grande parte de Bonito. Ruas e rodovias ficaram completamente alagadas com o temporal. Houve registro de casas inundadas e também de um capotamento de carro, na estrada que liga Bonito ao município de Bodoquena.

Os bombeiros tiveram que utilizar caiaque para resgatar algumas das vítimas. Segundo informações da equipe de bombeiros que atendeu às ocorrências, o nível da água começou a baixar ainda ontem à noite. Neste sábado (25), o sol surgiu, mas ainda há áreas alagadas na cidade.

"Hoje está tranquilo, não recebemos ligação para outro resgate. Realmente a situação está mais tranquilo. A água continua em alguns locais alagados. Ontem acionamos toda a equipe, foi muito repentino. Nove bombeiros mobilizados e 3 viaturas, trabalharam 24 horas praticamente", comenta o sargento Marin.

 

Alerta

 

Conforme o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a previsão é de tempestade e ventos fortes até o fim deste sábado.

O Inmet indicou alerta laranja, de perigo severo para tempestade. O aviso serve para o Sudoeste de Mato Grosso do Sul, Pantanais Sul Mato-grossense e Leste de Mato Grosso do Sul.

Ainda conforme o Instituto, a chuva será de até 100 mm/dia, com ventos intensos, entre 60e 100 km/h. A população deve se prevenir para uma possível queda de granizo, corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e alagamentos. Fonte: G1

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90


Notícias Relacionadas »
Comentários »