Gazeta Rondônia Publicidade 728x90
13/01/2024 às 22h40min - Atualizada em 13/01/2024 às 22h40min

Jogador de futebol é preso por suspeita de feminicídio

Gazeta Rondônia

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90

O jogador argentino Óscar Benítez foi preso na noite desta sexta-feira, 12. O ex-Boca Juniors cumpria pena em regime domiciliar por violência de gênero contra a sua ex-mulher, Anabelia Ayala, e tinha a proibição de se aproximar dela. Contudo, descumpria a ordem sistematicamente. Anabelia foi encontrada morta no dia 1º de janeiro.

A decisão foi da Justiça de Lomas de Zamora, da grande Buenos Aires. O atacante tem diversas acusações da ex-mulher por agressões. A família de Anabelia também fez boletins de ocorrência.

Em 2022, Benítez passou uma semana na cadeia após ameaças de agressão e por quebrar o carro da ex-mulher. E em maio nova prisão. Mas saiu dias depois para uma prisão domiciliar. Desde então, mesmo com a obrigação de distanciamento, passou a seguir Anabelia (câmeras se segurança mostram o carro do jogador varias vezes nas proximidades da casa da família de Anabelia), além de ligações praticamente de hora a hora para ela.

Òscar Benítez tem 30 anos e defendeu além de Boca Juniors, Lanús, Benfica/POR, Braga/POR, San Luís/MEX Argentinos Jrs. Seu ultimo clube foi o Palmaflor, da Bolívia. Desde então estava sem clube. Fonte: Terra

 

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90


Notícias Relacionadas »
Comentários »