17/06/2021 às 09h26min - Atualizada em 17/06/2021 às 09h26min

Pedágio registrou 6.661 veículos durante passeio de moto de Bolsonaro em SP

Presidente esperava 100.000 participantes. Apoiadores disseram que havia mais de 1 milhão

Gazeta Rondônia
A “motociata” que o presidente Jair Bolsonaro participou no último sábado (12) em São Paulo contou com 6.661 motos, segundo o sistema que registra a passagem de veículos em pedágios, monitorado pela Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo).

A informação foi divulgada nesta quarta-feira (16) em reportagem do jornal Folha de São Paulo e confirmada pelo Poder360 junto à Artesp.

O número refere-se às passagens de veículos registradas no pedágio de Campo Limpo, no km 39 da rodovia dos Bandeirantes, na hora do passeio. No total, o percurso teve 129 km.

Os dados revelados pela reportagem são do sistema MIP (Monitoramento de Informações de Pedágio), cedidos pela Artesp.

A agência disse ao jornal que o número real pode ser maior, porque o sistema não está programado para colher dados de motocicletas, que não pagam pedágio na rodovia. Um especialista do órgão disse ao jornal ser improvável que o número real seja muito superior à estimativa do monitoramento.

A expectativa do presidente era de que participassem “100.000 motos”, de acordo com a previsão que ele fez a apoiadores, antes do passeio.

No dia do ato, aliados do presidente divulgaram estimativas infladas sobre o número de participantes. A deputada Bia Kicis (PSL-DF) compartilhou em seu perfil no Twitter uma publicação falsa de que o movimento reuniu mais de 1 milhão de motocicletas.

A deputada Carla Zambelli (PSL-SP), que participou do ato, disse que o livro Guinness Book, que registra recordes, estava “de olho” no ato, que, de acordo com ela, pode ter sido o maior da história.

Fonte: Poder 360

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você desenvolveu algum transtorno relacionado à saúde mental durante a pandemia?

37.8%
4.9%
6.1%
12.2%
39.0%
Fale Conosco!
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp