19/07/2021 às 17h09min - Atualizada em 19/07/2021 às 17h09min

Detran aponta redução de 21,38% no número de acidentes de trânsito em Rondônia no ano de 2020

Gazeta Rondônia

Para reduzir o número de acidentes de trânsito, o Governo de Rondônia, por meio do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), tem trabalhado com ações educativas nos pontos mais movimentos e de maior índice de acidentes em Porto Velho. Dados da Coordenadoria de Registros de Estatística e Acidentes de Trânsito (Renaest) que concluiu o Anuário de 2020, apontam que houve redução de 21,38% no número de acidentes de trânsito se comparado a 2019, caindo de 10.748 para 8.450.

Acidentes com vítima não fatais também tiveram redução, de 14.080 em 2019 para 11.380 em 2020, entretanto o número de vítimas fatais teve um aumento considerável se comparado de um ano para o outro, sendo 378 vítimas em 2019, e 417 mortes em 2020. Conforme informação do Detran, a falta de respeito aos preceitos do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), excesso de velocidade e avanço ao semáforo são as principais causas de acidentes de trânsito no Estado.

Os motociclistas e os passageiros são as maiores vítimas. Em 2019 foram registrados 13.702 sinistros de trânsito, dos quais 10.932 envolvendo de motocicletas. Deste total, 9.183 eram condutores e 1.749 passageiros. Já em 2020 foram registrados 11.380 acidentes, envolvendo 8.607 motociclistas, sendo 7.346 condutores e 1.261 passageiros.

Em 2020, 245 pessoas perderam a vida em sinistros de trânsito fazendo uso de motocicleta, sendo 226 condutores e 29 passageiros, contra 210 vítimas fatais em 2019, 189 condutores e 21 passageiros. Acesse o Anuário de 2020.

O diretor-geral do Detran, Neil Gonzaga, especialista em trânsito, comenta que o Departamento tem trabalhado tanto na parte educativa quanto na repressiva para um trânsito ordeiro e seguro para todos, exemplo são os números que comprovam a redução no índice de acidentes de trânsito.

 

“Com a pandemia da covid-19 os serviços de entregas aumentaram muito e os entregadores na ânsia de chegar rápido ao ponto de entrega desrespeitam a sinalização de trânsito colocando a própria vida em risco e a de terceiros também”, explicou Neil Gonzaga.

TIPOS DE ACIDENTES REGISTRADOS EM 2020

  • 1º – colisão transversal – 2.187;

  • 2º – queda – 1.413;

  • 3º – colisão lateral – 1.152,

  • 4º – traseira – 693;

  • 5º – colisão frontal – 390;

  • 6º – choque com objeto fixo – 338;

  • 7º – atropelamento pedestre – 312;

  • 8º – atropelamento animal – 217;

  • 9º – capotamento – 159;

  • 10º – tombamento – 147 e

  • 11º – engavetamento – 13.

 Fonte: Eleni Caetano/Secom


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você é a favor da volta às aulas presenciais no estado de Rondônia em agosto

21.1%
74.9%
4.0%