26/12/2021 às 17h37min - Atualizada em 26/12/2021 às 17h37min

Empresária leva mais de 20 pontos no rosto após ser agredida pelo ex-namorado

Gazeta Rondônia

Uma empresária de 35 anos levou mais de 20 pontos no rosto após ser agredida pelo ex-namorado, conforme informou o advogado dela, Daniel Louredo. Um vídeo mostra quando o homem a empurra, ela cai batendo as costas e a cabeça no meio-fio, a empresária levanta, os dois discutem e, em seguida, o agressor a atinge com um soco no rosto 

A agressão aconteceu na última sexta-feira (23), em frente a um bar de Nerópolis, na região central de Goiás. O advogado da vítima contou que ela e a filha de 15 anos tinham ido ao supermercado, que fica ao lado, para comprar objetos para ceia de Natal e foi surpreendida pelo ex quando saia do estabelecimento.

Momento em que empresária leva um soco no rosto do ex-namorado, em Nerópolis, Goiás — Foto: Arquivo pessoal

Momento em que empresária leva um soco no rosto do ex-namorado, em Nerópolis, Goiás — Foto: Arquivo pessoal

Nas imagens é possível ver que a mulher chega de carro, desce com a filha e vai ao supermercado. Segundo o advogado, ela não tinha visto que o ex estava no bar. Quando ela está voltando para o veículo, o homem joga um objeto do carro dela. Após isso, ela foi questioná-lo o porquê dele ter feito aquilo e começa a ser agredida.

Em certo momento, a filha dela tenta separar a confusão empurrando o homem, mas ele dá uma tapa em sua mão. A gravação registrou ainda que, após isso, a mulher tenta dar um soco nele em defesa da filha, mas não o atinge, momento em que ele revida com um soco no olho da empresária a derrubando novamente.

 

“Ela [vítima] foi para cima do homem após ele agredir a filha dela. Ele quem começou a confusão jogandoum objeto no carro dela. Ele também a humilhou com palavras de baixo calão”, disse o advogado.

 

O advogado contou que os dois tiveram um “breve” relacionamento, mas que não se viam há dois meses. Segundo ele, durante o namoro, a empresária comprou um carro do ex-namorado . Quando terminaram, a mulher ainda devia um valor de R$ 500 para o homem. Essa dívida seria, a princípio, a motivação das agressões.

“A negociação do veículo se deu em razão do vínculo afetivo que eles tiveram. E quando ela comprou este veículo dele, ele veio com vários defeitos. Em razão dos valores que ela teve que gastar, o combinado seria de abater. Então, não seria preciso repassar nenhum valor a mais para ele”, disse o advogado.

Momento em que empresária é empurrada pelo ex-namorado, em Nerópolis, Goiás — Foto: Arquivo pessoal

Momento em que empresária é empurrada pelo ex-namorado, em Nerópolis, Goiás — Foto: Arquivo pessoal

A imagem mostra ainda que, após as agressões, o homem deixa o local. Segundo o advogado, a Polícia Militar foi acionada, mas não conseguiu encontrá-lo. Como a delegacia da cidade está fechada por causa do feriado prolongado, um boletim de ocorrências será registrado na manhã de segunda-feira (27). Fonte: G1


Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale Conosco!
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp