26/01/2021 às 22h00min - Atualizada em 26/01/2021 às 22h00min

Seleção aberta para curso de salgadeira em Guajará Miriam

As inscrições podem ser realizadas até dia 15 de fevereiro

Gazeta Rondônia
O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), Campus Guajará-Mirim, está com  editais de extensão abertos para seleção.

Há vagas para o Curso de Formação Inicial em Salgadeira. As ações fazem parte do Projeto Mulheres de Origem, que é uma realização do IFRO em parceria com a Secretaria Nacional de Políticas para Mulheres (SNPM), do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, para oferta de Cursos de Formação Inicial a mulheres imigrantes de outros países, de comunidades tradicionais e em situação de vulnerabilidade socioeconômica.

 

São 40 vagas para o Curso de Formação Inicial em Salgadeira, ofertado por meio do Edital 2/2021/GJM - CGAB/IFRO, sem pagamento de mensalidade e taxa de inscrição. As candidatas serão pré-selecionadas, no período de 25 de janeiro a 15 de fevereiro de 2021, com apoio do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e do Centro de Referência de Assistência Social (Cras), vinculados à Secretaria Municipal do Trabalho e Ação Social (Semtas) de Guajará-Mirim. A Semtas terá como prioridade, para a composição do demonstrativo de indicação, as mulheres inscritas no Cadastro Progredir, do Governo Federal, que tenham interesse em participar do curso.

Com carga-horária de 160 horas, o curso será ofertado de forma presencial no Campus Guajará-Mirim. O projeto possui três eixos de formação: qualificação profissional (oferta dos componentes curriculares), empreendedorismo (componente curricular e orientação para o mercado de trabalho) e concretização/inserção no mercado de trabalho (monitoria, estágio, empregabilidade e/ou desenvolvimento autônomo de negócios).

Na seleção, o IFRO Campus Guajará-Mirim utilizará da seguinte ordem de seleção: pelo menos 30% para mulheres imigrantes de outros países; até 50% para mulheres refugiadas; até 70% para mulheres oriundas de comunidades tradicionais, como indígenas, quilombolas, ribeirinhas e outras, além de mulheres em situação de vulnerabilidade socioeconômica; e outras mulheres, em caso de vagas disponíveis após a aplicação das prioridades.

Entre os requisitos para ingresso no curso estão possuir Ensino Fundamental I completo (1º ao 5º ano), ter no mínimo 18 anos, enquadramento no público-alvo e possuir disponibilidade de tempo para os estudos. Após o envio pela Semtas, o Campus Guajará-Mirim fará o sorteio para classificação da ordem das candidatas. As selecionadas deverão fazer entrega de documentos comprobatórios dos requisitos de ingresso, no Departamento de Extensão (Depex/IFRO), Campus Guajará-Mirim (Avenida 15 de Novembro, 4849, Bairro Planalto).

As participantes receberão auxílio financeiro na forma de bolsas de estudo no valor de R$ 100 mensais, durante três meses, totalizando R$ 300 para cada estudante. O valor servirá de auxílio na compra de material necessário ao curso, alimentação e/ou transporte.

O sorteio de candidatas indicadas deverá ser realizado no dia 19 de fevereiro de 2021. Já o resultado final e a convocação para entrega de documentação e matrícula têm previsão de ocorrer de 27 de fevereiro a 5 de março de 2021. As aulas ocorrerão no primeiro semestre deste ano.


Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale Conosco!
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp