11/03/2022 às 09h36min - Atualizada em 11/03/2022 às 09h36min

CEREJEIRAS: Moradora recebe seu “Título Já” do Governador de Rondônia, após 20 anos de espera

Gazeta Rondônia
Sebastiana Furquim, recebendo seu "Título Já" das mãos do governador de Rondônia Marcos Rocha - crédito de imagem: Nilson Santos/SECOM.

O Governo de Rondônia realizou nesta quinta-feira, (10), a entrega de títulos urbanos do programa “Título Já” para moradores do município de Cerejeiras. Nessa etapa mais 72 moradores puderam receber em mãos o documento oficial do seu lote urbano. O programa “Título Já”, que teve origem por meio de emenda parlamentar do ex-deputado estadual Edson Martins (MDB), nasceu com a finalidade de beneficiar famílias de baixa renda, regularizando o imóvel urbano. Em Cerejeiras o convênio do “Título Já” foi firmado em 2019 para atender 2300 lotes urbanos e já foram atendidos 1026 moradores até a presente data.
 

“Alcançamos 45% do convênio, queremos concluir o mais breve possível e se a prefeitura desejar ampliar a meta, estaremos prontos para atender e beneficiar mais moradores”, explicou Constantino Erwen Gomes, Superintendente Estadual de Patrimônio e Regularização Fundiária (Sepat).

Durante o seu discurso o governador do Estado, Marcos Rocha, lembrou que desde 2019 já foram entregues diversos títulos urbanos em Rondônia.
 

“Trabalhamos com sabedoria. Gerando economia e aplicando corretamente o recurso público. A regularização do lote urbano dá direito à propriedade daquela pessoa que trabalhou para comprar e não conseguiu a documentação definitiva. Agora com o título em mãos passa a ser o legítimo proprietário”, disse Marcos Rocha.

A aposentada Sebastiana Furquim de Sousa Araújo, 74 anos, moradora da Rua Piauí no bairro Primavera, comemorou ao receber a escritura definitiva da sua propriedade.
 

“São mais de 20 anos que esperava por esse documento, agradeço ao Governo do Estado e a prefeitura de Cerejeiras, que continuem ajudando quem precisa”, frisou Sebastiana emocionada.

 
Crédito de imagens: Nilson Santos/SECOM.


Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale Conosco!
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp