17/03/2022 às 07h01min - Atualizada em 17/03/2022 às 07h01min

Irmãos de 6 e 8 anos são encontrados vivos após 26 dias perdidos na floresta amazônica

Gazeta Rondônia

A prefeitura de Manicoré informou na noite desta quarta-feira (16) que os irmãos de 6 e 8 anos, que ficaram desaparecidos durante 26 dias após se perderem na floresta amazônica, serão transferidos a Manaus na manhã de quinta-feira (17). Os meninos Glauco e Gleison foram encontrados apresentando quadro grave de desnutrição e escoriações na pele.

As crianças estavam desaparecidas desde o dia 18 de fevereiro, e foram localizadas nessa terça-feira (15), por um homem que estava cortando madeira na mata quando avistou os irmãos, na Zona Rural do município.

A transferência foi anunciada depois que o Ministério Público do Amazonas expediu um ofício em que exigia que os dois irmãos fossem examinados por um especialista em até quatro horas e, caso não seja possível, fossem transferidos a Manaus. O objetivo é ter um diagnóstico preciso sobre o estado de saúde dos meninos. A prefeitura de Manicoré informou que ainda não foi notificada.

Segundo os promotores, a cidade não tem estrutura médica para cuidar de pacientes em estado grave. O hospital da cidade não tem UTI e nem pediatras.

Os promotores consideram que diante desse quadro grave de saúde, os meninos precisam de atendimento especializado o mais rápido possível.

 

Caçar pássaros

 

Os irmãos Glauco e Gleison desapareceram no dia 18 de fevereiro, quando foram caçar pássaros na mata e não retornaram. As buscas por eles foram encerradas pelo Corpo de Bombeiros, mas indígenas de aldeias que ficam em Capanã Grande, uma área indígena de Manicoré, continuaram a procurar pelas crianças na região.

"Nós éramos muita gente, nós éramos 260. Não conseguimos. Estava entre PM, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Funai, mas não conseguimos", conta o pai dos garotos, Claudionor Ferreira.

 

"Fiquei muito emocionado. Quando escutou o movimento dele [do homem], o pequeno gritou. Ele chegou lá e estavam tudo deitadinhos".

 

Segundo a Secretaria de Estado Saúde (SES-AM), os irmãos foram levados para a à sede de Manicoré, e chegaram ao Hospital Regional de Manicoré na noite de terça (15). Eles estão recebendo hidratação, medicamentos e alimentação adequada. Fonte: G1


Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale Conosco!
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp