06/02/2021 às 14h04min - Atualizada em 06/02/2021 às 14h04min

IFRO e EMATER desenvolvem projeto de Cultura do Capiaçu

O Objetivo é melhorar a produção leiteira do estado

Uma parceria firmada entre o IFRO - Campus Colorado do Oeste e a EMATER-RO, está disseminando informações e trocando experiências sobre a cultura do capim BRS-Capiaçu. O projeto de transferência de tecnologia desenvolvido pelo IFRO, tem como foco explorar as diversas fases da cultura do capim.

O projeto de transferência de tecnologia está sendo coordenado pelo professor Dr. Fagton de Mattos Negrão, a fim de explorar, com a pesquisa e extensão rural todas as etapas de desenvolvimento da cultura, desde amostragem, análise e interpretação de solo, até fornecimento de mudas e adubos para plantio e cobertura. A Emater-RO, por meio dos escritórios da região Cone Sul do Estado, selecionou cinco propriedades referenciais de pecuária leiteira para participar desse programa, nos municípios de Cabixi, Cerejeiras, Colorado do Oeste, Pimenteiras e Vilhena, sendo uma propriedade leiteira por município

Segundo o gerente regional Cleverson Oliveira dos Santos, o projeto teve início em 2020 contemplando os cinco municípios citados, mas, a fim de difundir a cultura, foram formadas outras 394 propriedades atendidas pela Emater-RO, com a implantação do BRS Capiaçu. 

Com o objetivo de disseminar os resultados obtidos com o trabalho que vem sendo feito pelo IFRO - Campus Colorado do Oeste e pela equipe da Emater-RO em Vilhena, desenvolver o capiaçu para alimentação dos animais e desenvolver a cultura no Estado de Rondônia, foi realizada uma palestra virtual, para os técnicos de outras regiões. “A ideia é nivelar conhecimento através do trabalho que já vem sendo feito em nossa região e repassar nossos conhecimentos compartilhando a palestra com outros técnicos”, explica o gerente, salientando a importância da implantação do capim para alimentação e melhoramento da produção leiteira no Estado. SECOM.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »