04/03/2021 às 19h26min - Atualizada em 04/03/2021 às 19h26min

Cooperativa que atua em Cerejeiras emite nota sobre resultado positivo da atividade agropecuária divulgado pelo IBGE nesta semana

Atividade agro, como pecuária e agricultura, cresceu 2% em 2020

Gazeta Rondônia
Assessoria
A Copama, uma cooperativa de produtores rurais que nasceu em Vilhena e está presente em vários municípios de Rondônia, incluindo em Cerejeiras, emitiu uma nota, na tarde desta quinta-feira, 04. A nota comenta o resultado do PIB do Brasil, divulgado pelo IBGE na quarta-feira, 03, em que a atividade agropecuária foi o único setor em alta, com um crescimento de 2% - a economia brasileira caiu 4,1% em 2020.
Veja, abaixo, a nota da Copama.
 
NOTA AOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO
 

COPAMA PARABENIZA PRODUTORES, EM ESPECIAL AOS COOPERADOS, POR CONTRIBUIR COM O RESULTADO POSITIVO DA ATIVIDADE AGROPECUÁRIA BRASILEIRA EM 2020
 
O PIB do Brasil teve uma queda de 4,1% em 2020, segundo estimativas divulgadas nesta quarta-feira, 03, pelo IBGE. Mas na contramão da queda, a atividade agropecuária teve uma alta de 2%, com destaque especial para a soja (7,1%) e o café (24,4%).

Com este resultado positivo, a agropecuária aumentou a sua participação no PIB brasileiro de 5,1% em 2019, para 6,8% em 2020, de acordo com o IBGE.

Esta é a importância da agropecuária brasileira. São produtores, muitos deles engajados na plataforma cooperativista e enfrentando toda sorte de preconceitos, que trabalham dia e noite para evitar que o Brasil vá à bancarrota total.

Em Rondônia, são mais de 350 mil hectares de agricultura dedicada à soja, por exemplo. Na região de Cerejeiras, são quase 180 mil hectares dedicadas somente à oleaginosa. Esta porção de terra são ainda áreas produtoras de uma segunda safra anual, como a do milho, algodão e sorgo.

O produtor rondoniense também produz café, leite, carne de suína e bovina, frango e ovos, dentre outros produtos agropecuários. Além disso, Rondônia conta com inúmeras agroindústrias, muitas delas de pequeno porte, que produzem todo tipo de alimento que vai para a mesa dos brasileiros.

A Copama, através de seus cooperados, também contribui para resultados positivos como este. O programa Copama+10, por exemplo, é uma iniciativa da cooperativa que eleva a produtividade do produtor e reflete no resultado econômico da região e do país.

Além disso, a Copama construiu uma unidade de armazenamento e secagem. O secador, construído com investimentos de 40% de capital dos próprios produtores e de 60% financiados pelo BNDES via Sicoob Credisul, é mais uma contribuição da Copama para ajudar no crescimento da economia brasileira.

Para o presidente da Copama, Fabio Andreazza, o resultado expressivo na atividade econômica brasileira deve conscientizar a sociedade a valorizar a figura do produtor rural. “O Brasil é um país agro e temos que ter orgulho disso. A consequência natural do sucesso da atividade agropecuária brasileira é a segurança alimentar do país, a criação de riqueza, a geração de emprego e a distribuição de renda. O sucesso do agro é coletivo”, disse o presidente da cooperativa.
 
Juntos Somos Mais
 

Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você desenvolveu algum transtorno relacionado à saúde mental durante a pandemia?

35.1%
4.9%
8.1%
8.6%
43.2%
Fale Conosco!
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp