Gazeta Rondônia Publicidade 728x90
07/02/2023 às 19h23min - Atualizada em 07/02/2023 às 19h23min

CEREJEIRAS: PF deflagra operação para desarticular plano de atentado contra servidores públicos em Rondônia.

Gazeta Rondônia

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90

A Polícia Federal (PF) e a Gerência de Inteligência Penitenciária do Estado de Rondônia deflagraram nesta terça-feira (7) a Operação Salutis que investiga um plano de atentado contra servidores públicos em Rondônia.

São cumpridos três mandados de busca e apreensão em Vilhena, Cerejeiras e Colorado do Oeste, todas as cidades estão localizadas no Cone Sul do estado.

Segundo as investigações, em dezembro do ano passado foi identificado que uma facção criminosa estaria arquitetando um plano para matar agentes da segurança pública.

 

"As investigações comprovaram que membros de facção teriam vindo da capital Porto Velho para o Sul do Estado de Rondônia, pretendendo, ainda que presos, pôr em execução plano de atentado contra a vida de agentes da segurança pública do Estado", disse a PF.

Mesmo presos, os investigados se comunicavam com pessoas fora do sistema prisional, por meio de mensagens escritas em códigos dentro de livros de literatura, "para que assim fossem executados os agentes do Estado por faccionados que estão em liberdade", apontam as investigações.

Após as mensagens serem interceptadas, a Polícia Federal representou junto à Vara Criminal de Cerejeiras (RO) pela realização de busca e apreensão em imóveis vinculados aos investigados.

O nome da operação faz referência ao termo em latim Salus, que significa "salvação, afastamento do perigo". Fonte: G1

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90


Notícias Relacionadas »
Comentários »