Gazeta Rondônia Publicidade 728x90
25/02/2023 às 11h10min - Atualizada em 25/02/2023 às 11h10min

Programa Saúde nas Escolas está sendo desenvolvido na EMEF Paulo Freire de Pimenteiras do Oeste

Gazeta Rondônia
Assessoria

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90

A ação Programa Saúde nas Escolas por meio da Coordenadora Thayane Oliveira e equipe multiprofissional da estratégia de saúde da família está sendo realizada na escola municipal Paulo Freire, no município de Pimenteiras do Oeste e contou com:

• nutricionista;

• dentista;

• Orientação sobre saúde bucal;

• marcador do consumo alimentar;

• avaliação antropométrica;

• entrega de kits de higiene bucal;

• avaliação da carteira vacinal.

 


O Programa Saúde na Escola (PSE) visa à integração e articulação permanente da educação e da saúde, proporcionando melhoria da qualidade de vida da população brasileira. Como consolidar essa atitude dentro das escolas? Essa é a questão que nos guiou para elaboração da metodologia das Agendas de Educação e Saúde, a serem executadas como projetos didáticos nas Escolas.

O PSE tem como objetivo contribuir para a formação integral dos estudantes por meio de ações de promoção, prevenção e atenção à saúde, com vistas ao enfrentamento das vulnerabilidades que comprometem o pleno desenvolvimento de crianças e jovens da rede pública de ensino.



O público beneficiário do PSE são os estudantes da Educação Básica, gestores e profissionais de educação e saúde, comunidade escolar e, de forma mais amplificada, estudantes da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica e da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

As atividades de educação e saúde do PSE ocorrerão nos Territórios definidos segundo a área de abrangência da Estratégia Saúde da Família (Ministério da Saúde), tornando possível o exercício de criação de núcleos e ligações entre os equipamentos públicos da saúde e da educação (escolas, centros de saúde, áreas de lazer como praças e ginásios esportivos, etc).



No PSE a criação dos Territórios locais é elaborada a partir das estratégias firmadas entre a escola, a partir de seu projeto político-pedagógico e a unidade básica de saúde. O planejamento destas ações do PSE considera: o contexto escolar e social, o diagnóstico local em saúde do escolar e a capacidade operativa em saúde do escolar.

A Escola é a área institucional privilegiada deste encontro da educação e da saúde: espaço para a convivência social e para o estabelecimento de relações favoráveis à promoção da saúde pelo viés de uma Educação Integral.



Para o alcance dos objetivos e sucesso do PSE é de fundamental importância compreender a Educação Integral como um conceito que compreende a proteção, a atenção e o pleno desenvolvimento da comunidade escolar. Na esfera da saúde, as práticas das equipes de Saúde da Família, incluem prevenção, promoção, recuperação e manutenção da saúde dos indivíduos e coletivos humanos.
 
Para alcançar estes propósitos o PSE foi constituído por cinco componentes:

a) Avaliação das Condições de Saúde das crianças, adolescentes e jovens que estão na escola pública;

b) Promoção da Saúde e de atividades de Prevenção;

c) Educação Permanente e Capacitação dos Profissionais da Educação e da Saúde e de Jovens;

d) Monitoramento e Avaliação da Saúde dos Estudantes;

e) Monitoramento e Avaliação do Programa.

Mais do que uma estratégia de integração das políticas setoriais, o PSE se propõe a ser um novo desenho da política de educação e saúde.

Em Pimenteiras do Oeste a ação contou com apoio das Agentes Comunitárias de Saúde do município.
 
A Prefeita Valéria não pode estar presente nessa ação em razão de estar cumprindo agenda fora do município, mas parabenizou toda a equipe envolvida.
 
“Parabéns a nossa equipe multiprofissional da estratégia de saúde da família e nossas ACS que desenvolvem um importante trabalho em apoio a educação trazendo inúmeros benefícios as nossas crianças”. Destacou a prefeita.
 

 
Assessoria.

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90


Notícias Relacionadas »
Comentários »