28/04/2021 às 20h13min - Atualizada em 28/04/2021 às 20h13min

Socorrista do Samu morre com coronavírus após 12 dias internado em UTI

Gazeta Rondônia
O socorrista do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Cuiabá - MT Donino José de Jesus Haenisch, de 61 anos, morreu vítima da Covid-19 nesta quarta-feira (27).

O servidor trabalhava há mais de 20 anos na Secretaria de Saúde Estadual (SES) e estava afastado das atividades por causa da doença.

Ele ficou internado 12 dias em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular em Cuiabá e não resistiu. O socorrista deixa mulher e filhos.

Por meio de nota, a SES lamentou a morte de Donino.

"Neste momento difícil, o secretário de Estado Gilberto Figueiredo, todos os colaboradores do Samu, bem como a administração pública estadual expressam os sentimentos de pesar aos familiares e amigos do profissional e manifesta gratidão pelas duas décadas de dedicação à Saúde Pública do estado.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) notificou, desde o início da pandemia até esta quarta-feira (28), 358.718 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, e 9.696 óbitos em decorrência do coronavírus no estado. Foram 65 mortes nas últimas 24 horas.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 464 internações em UTIs públicas e 359 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 84,21% para UTIs adulto e em 44% para enfermarias adulto. 

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (76.122), Rondonópolis (26.459), Várzea Grande (24.060), Sinop (18.889), Sorriso (12.586), Tangará da Serra (11.792), Lucas do Rio Verde (11.296), Primavera do Leste (10.018), Cáceres (7.632) e Alta Floresta (6.878). Fonte: G1

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »