06/11/2022 às 18h19min - Atualizada em 06/11/2022 às 18h19min

Enfermeira desconfia de estupro de uma bebê de 1 ano durante atendimento e chama a polícia

Gazeta Rondônia

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90

Ao atender uma bebê de 1 ano em um hospital próximo à cidade de Dourados (MS), uma enfermeira desconfiou que a bebê pudesse ter sofrido abuso ao examiná-la acionando a polícia para a unidade de saúde, na noite de sábado (5). 

A bebê foi levada para o hospital por volta das 19 horas, quando a enfermeira ao examiná-la notou machucados nas partes íntimas, fissuras anormais para o bebê daquela idade. Uma médica examinou a menina, mas não pode emitir parecer concluso já que afirmou que não era médica legista especializada.


O Conselho Tutelar foi chamado e acompanhou todo o atendimento da bebê. O delegado de Dourados foi acionado comparecendo ao hospital. Não há relatos da mãe. Um médico legista foi acionado para emitir parecer sobre o caso, que foi registrado inicialmente como estupro de vulnerável. Fonte: MídiaMax – Imagem ilustrativa.

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90


Notícias Relacionadas »
Comentários »