Gazeta Rondônia Publicidade 728x90
06/02/2023 às 18h41min - Atualizada em 06/02/2023 às 18h41min

459 manifestantes presos tiveram autorização da justiça para troca de tornozeleira eletrônica e liberdade provisória

Gazeta Rondônia

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90

Um grupo de 459 extremistas presos por atos antidemocráticos após a invasão e depredação da sede dos Três Poderes, no dia 8 de janeiro, já foi liberado da cadeia com uso de tornozeleira eletrônica.

Segundo informações do relatório de providências da Vara de Execuções Penais do Distrito Federal (VEP-DF), da última quinta-feira (4/2), a Justiça autorizou a troca das tornozeleiras do DF por equipamentos do Estado de origem dos bolsonaristas em liberdade provisória.

Um total de 931 pessoas permanecem detidas: são 623 homens e 308 mulheres.

Em nota, a Secretaria de Administração Penitenciária do DF (Seape-DF) disse que, “até o momento, não houve substituição das tornozeleiras nos estados de origem dos monitorados.”

Fonte: Metrópoles.

Gazeta Rondônia Publicidade 790x90


Notícias Relacionadas »
Comentários »